Mercado Imobiliário Qualidade de vida

Responsabilidade social: 7 ações voluntárias organizadas por grandes empresas

DAV 2017 - Cyrela

O tempo em que as atividades empresariais tinham um significado meramente econômico já foi ultrapassado há muito. Atualmente, todas as empresas são permanentemente avaliadas como organizações com participação ativa em todas as dimensões da vida das comunidades nas quais estão inseridas.

Essa realidade deu origem ao conceito de Responsabilidade Social Empresarial, que se refere ao conjunto de iniciativas e práticas que manifestam o comprometimento da empresa com comportamentos éticos, transparentes e voltados para o desenvolvimento da comunidade existente em torno do seu empreendimento, incluindo a preservação do meio ambiente, redução de desigualdades e respeito à diversidade.

Neste artigo, vamos apresentar alguns exemplos de empresas de diversos setores que envolvem seus funcionários em ações voluntárias, demonstrando dessa forma que seu comprometimento com a sociedade vai além da comercialização de seus produtos e serviços. Descubra quem são elas a seguir:

Cyrela

Por meio do Instituto Cyrela, a empresa, uma das maiores do setor imobiliário nacional, promove ações solidárias e de impacto social relevante, a partir de seu programa de voluntariado.

A principal ação dentro do Programa Voluntários Cyrela é o Dia da Ação Voluntária, que ocorre anualmente no último sábado do mês de agosto. Com o apoio de comitês de voluntários, é organizado um grande mutirão de reparos e benfeitorias em algumas instituições localizadas nas principais cidades em que a empresa tem atuação, que são selecionadas por meio de votação aberta a todos os colaboradores.

Durante o mutirão, os colaboradores voluntários dedicam-se a renovar a pintura de paredes, cortar gramados, varrer e limpar ambientes, dentre outras atividades de renovação e manutenção. Além disso, também realizam ações prévias que promovam melhorias na qualidade do atendimento nas organizações selecionadas, como a doação de novos materiais de ensino, revitalização e criação de espaços lúdicos e para práticas esportivas por parte do público beneficiário.

Para realizar este trabalho, a empresa conta ainda com o apoio de fornecedores da Cyrela e outras companhias parceiras. No evento realizado em 2017 (foto de capa dessa matéria), a BASF, uma das grandes empresas químicas do setor, participou da ação doando tintas da sua marca de tintas imobiliárias, a Suvinil, e enviou um grupo de voluntários para participar do evento.

Deloitte

A Deloitte, uma empresa de consultoria e auditoria conhecida em todo o mundo, também desenvolve ações de voluntariado envolvendo seus funcionários. Em junho deste ano ela promoveu o evento Impact Day, que contou com a participação de cerca de 400 colaboradores em uma ação que beneficiou mais de mil crianças e jovens.

As atividades realizadas englobaram ações de conscientização relacionadas ao meio ambiente e um ciclo de palestras sobre diversos temas, além da inauguração de uma biblioteca e de uma brinquedoteca organizadas pelos voluntários e da promoção de bazares.

Destacam-se ainda o recolhimento de quase duas toneladas de produtos para o Centro Comunitário Ludovico Pavoni, em São Paulo, e uma campanha de doação de sangue que resultou na coleta de mais de duzentas bolsas de sangue.

L’Oreal

A L’Oréal, multinacional francesa líder global no segmento de cosméticos, promove anualmente o Citizen Day, um evento de ações voluntárias em que participam funcionários de suas unidades no mundo inteiro.

Em 2017, as atividades da unidade do Rio de Janeiro foram concentradas no Educandário Romão Duarte e na casa de repouso para senhoras Amparo Thereza Cristina. No Educandário, os voluntários organizaram uma festa junina, que contou com guloseimas e brincadeiras típicas, além da tradicional quadrilha. Além disso, um dos quartos foi restaurado, recebendo uma nova pintura. Já na casa de repouso, houve a restauração de paredes, além de trabalhos de esmaltação e jardinagem.

Walmart

A multinacional americana do setor varejista é outra empresa que promove ações sociais por meio de seu Instituto Walmart. Dentro de uma plataforma de atuação que busca estabelecer uma maior conexão entre a companhia e as comunidades onde estão localizadas suas operações, chamada Viver Melhor Comunidade, o Instituto procura incentivar o trabalho voluntário de seus funcionários.

Sua ação mais tradicional, que já conta com 11 edições realizadas, é o Dia na Comunidade. Nesta iniciativa, funcionários de lojas, escritórios e centros de distribuição da empresa promovem atividades voluntárias em organizações sociais.

Na edição mais recente, ocorrida em maio de 2017, a ação teve a participação de cerca de 2.500 pessoas, que se envolveram em atividades em organizações distribuídas em 129 cidades de todo o Brasil. O tema deste ano foi relacionado à Semana Mundial do Brincar, promovida pela Aliança pela Infância.

Santander

O banco espanhol mantém desde 1998 o Programa Escola Brasil, uma iniciativa de voluntariado corporativo que tem o objetivo de contribuir para a melhoria da educação das crianças e jovens brasileiros. Os voluntários podem optar por participar apenas de ações pontuais em campanhas institucionais ou atuar continuamente em parcerias estabelecidas com escolas públicas.

A partir de 2017, a iniciativa incorporou algumas metas relacionadas aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável liderados pelas Nações Unidas, visando promover a integração da comunidade escolar e a formação cidadã das crianças e jovens das instituições de ensino parceiras.

3M

A multinacional americana 3M, internacionalmente reconhecida como uma das empresas mais inovadoras do mundo, também busca aplicar essa característica em suas ações sociais. Para isso, mantém o Instituto 3M de Inovação Social, que tem como foco de atuação a promoção do empreendedorismo, nas áreas de ciências e tecnologia, baseado em valores éticos, cidadania e sustentabilidade.

Além disso, a empresa também promove o Dia Internacional do Voluntariado, envolvendo mais de cinco mil colaboradores. A versão brasileira do programa já existe há quase quatro décadas, contando com cerca de 300 funcionários. Os voluntários se envolvem em diversas iniciativas organizadas pelo Instituto 3M, que vão desde aulas de educação profissionalizante e campanhas de arrecadação de livros até a participação em atividades laborterápicas em organizações como a APAE.

Natura

A companhia brasileira de cosméticos Natura também tem um grande compromisso com a responsabilidade social. Em 2010, fundou o Instituto Natura, com o objetivo de fortalecer suas iniciativas sociais voltadas à melhoria da qualidade da educação no país. Desde então, o Instituto investe em ações que visam ao fortalecimento das pessoas e organizações envolvidas no setor, com iniciativas para professores, escolas e gestores públicos, em praticamente todo o território nacional.

Várias das iniciativas contam com o envolvimento de colaboradores da empresa, por meio do programa interno de voluntariado. Um exemplo é a participação nos grupos interativos do projeto Comunidade de Aprendizagem na Escola, atuando em ações educativas interativas que têm como objetivo a melhoria do desempenho acadêmico e da convivência dos alunos.

Cada vez mais os consumidores e clientes têm levado em consideração fatores que vão além dos aspectos técnicos e econômicos na hora de selecionar com quem irão estabelecer relacionamentos comerciais, utilizando seu comportamento de consumo como uma forma de expressar seus valores pessoais.

Por isso, é importante conhecer como as empresas desenvolvem seu relacionamento com a sociedade, especialmente no que se refere às suas ações de responsabilidade social. Ao identificar organizações que se empenham em ações concretas de promoção do bem-estar coletivo, o consumidor tem a tranquilidade de estar se envolvendo com empresas com valores semelhantes aos seus.

Agora que você já conheceu o trabalho voluntário apoiado por algumas empresas, não gostaria de incentivar mais pessoas a terem iniciativas semelhantes? Então compartilhe esse artigo em suas redes sociais!

O que você achou dessa matéria?