Arquitetura e Design

Arquitetura industrial: acerte na decoração da sua sala apostando nessa tendência

27/05/2019

A contemporaneidade se beneficia do exemplo de vários bons estilos do passado. Em se tratando de decoração, quando se olha para trás é possível enxergar referências para o surgimento de várias tendências, como a de arquitetura industrial.

Já visitou uma sala que tivesse um visual bem despojado, parecendo a de um prédio em processo de construção, ou uma antiga fábrica transformada em moradia?

Pois bem, a decoração industrial é desse jeito mesmo, uma mistura de soluções muito simples, mas, ao mesmo tempo, estilosas.

Seus ambientes têm estruturais cruas, fiações elétricas e dutos expostos, e materiais aparentes. Um toque especial de design aqui e outro ali e voilá, eis um imóvel com uma aparência totalmente diferente dos padrões normais. Mas, será que se pode resumir assim? O que estaria por trás dessas criações?

Como a decoração em estilo industrial surgiu?

Em meados de 1930, houve um período de grande crise econômica em Nova York. Na mesma época, em consequência, várias empresas fecharam as portas, deixando para trás fábricas, galpões e outros tipos de imóveis abandonados. Havia, portanto, a ameaça de que a urbanização da cidade acabasse afetada. Temia-se que zonas centrais virassem marginalizadas. Foi preciso pensar em uma solução rápida para isso!

Políticos e estudiosos da época chegaram à conclusão que seria melhor dar um novo destino aos edifícios fechados. Todos as construções passaram, portanto, por uma reforma e foram transformados em novos apartamentos e ateliers.  

Sua planta aberta, com grandes aberturas, permitia ambientes integrados. Isso atraiu muitos jovens empreendedores que queriam um lugar com um conceito diferente para morar e trabalhar.

Características da arquitetura industrial

Gente de pensamento livre, como celebridades do cinema ou outros profissionais do ramo de arte, combinavam muito bem com esses novos imóveis de Nova York.

Essa proposta de moradia que eles compraram deu tão certo que acabou servindo, mais tarde, de referência para construção de muitos outros apartamentos e casas. Hoje em dia, é possível ver o estilo industrial sendo aplicado até mesmo em espaços comerciais.

A imagem da arquitetura industrial combina bem com moradias erguidas em áreas urbanas.  Seu conceito estético é bastante admirado em várias partes do mundo, inclusive no Brasil.

Trata-se de uma tentativa de recriar a atmosfera que existia nos antigos armazéns, só que dentro de casa. E isso já começa pelo próprio desenho das plantas baixas, mais flexível, permitindo vários usos ao mesmo tempo.

É possível que o imóvel em arquitetura industrial seja só um “grande salão”, com espaços separados por divisórias ou marcado por “ilhas de móveis”. Mas o charme de seus ambientes se dará também por outros detalhes.  

Por exemplo, pelo pé-direito alto, áreas bem iluminadas e ventiladas; e o piso e as paredes brutos, em tijolo e cimento queimado. Tudo isso só servirá de pano de fundo para uma bela decoração! Veja a seguir!

Como montar uma decoração em estilo industrial?

A arquitetura industrial é um ótimo pano de fundo para o desenvolvimento de muitos estilos diferentes de decoração.

Mas existe um, em especial, que também é, não por acaso, chamado de industrial. Seu visual parece, por vezes, meio rústico até, mas, em parte, é elegante e sofisticado. E, certamente, nesse caso, o jogo de materiais é algo que chama a atenção.

Sobre uma base neutra, geralmente são colocadas peças de madeira, vidro, cobre, aço e mais. E ainda, por cima disso tudo, misturado vários elementos menores em tons vivos. Muita coisa provém de reaproveitamento, como pallets, caixotes de feira, tambores, garrafas de vinho e rodas de bicicletas.

Ademais, muitas peças icônicas de design são espalhadas pelo cenário decorado – um toque pra lá de especial!

Na decoração industrial, o olhar do observador é orientado para muitos pontos diferentes. Tudo é mesmo muito charmoso, bem diferente do tradicional.

O próprio sistema de luz ajuda muito nisso, valorizando cantos estratégicos com trilhos de lâmpadas, pendentes e mais outros aparelhos.

Mas os ambientes tendem a aparecer meio frios e isso precisa ser rebatido!

Deixar a decoração de uma casa em estilo industrial mais agradável não é algo difícil! Pra começar, pode-se acrescentar nos ambientes vasos com plantas e outros elementos naturais.

Também muitos ornamentos em tons quentes, como vermelho, amarelo, púrpura e turquesa.

Além disso, quadros, tapetes, almofadas, cortinas, e outros elementos. O negócio é saber lidar com os opostos e ousar!

Estas dicas de decoração industrial foram criadas pela equipe Viva Decora.

Você também pode gostar