Seu Imóvel

Como realizar a manutenção das instalações elétricas do seu apartamento

16/09/2019
manutenção das instalações elétricas

Fazer a manutenção das instalações elétricas é uma grande necessidade para evitar danos ao imóvel. Isso porque a falta de limpeza, inspeções, ajustes e troca de dispositivos podem ocasionar danos à estrutura elétrica de um apartamento, exigindo a compra de novos equipamentos ou, até mesmo, uma total reforma na estrutura elétrica do espaço.

Por essa razão, a manutenção não deve ser deixada de lado por ninguém, tendo em vista que a falta dela pode prejudicar a segurança e o bem-estar das pessoas que se encontram dentro de um apartamento.

Nesse sentido, o artigo a seguir te explica, passo a passo, como fazer a manutenção das instalações elétricas no seu lar.

1) Previna e saiba identificar os principais problemas 

Há quem deixe para cuidar das instalações elétricas do seu apartamento de tempos em tempos.

Seguindo essa lógica, o primeiro passo a ser feito para realizar uma manutenção de qualidade é evitar, ao máximo, a necessidade de se trocar e consertar peças. Para tal, você precisa:

  • Atentar-se ao funcionamento e temperatura de aparelhos;
  • Desligar eletrodomésticos ao viajar;
  • Limpar ventiladores de teto;
  • Afastar dispositivos elétricos de locais com umidade;
  • Não colocar itens de alumínio no lugar de fusíveis;
  • Não fazer “gambiarras”;
  • Evitar o uso do benjamins em excesso;
  • Entre outras. 

Além dessas ações, concentre-se em alguns sinais, tais como:

  • Desarme de disjuntores;
  • Aquecimento de tomadas e interruptores;
  • Oscilação na temperatura do chuveiro;
  • Fios desencapados e consequentemente, histórico de choques;
  • Odor de queimado quando algum equipamento é ligado, desligado ou simplesmente, enquanto está em funcionamento;
  • Tomadas que só funcionam com utilização de benjamin ou adaptadores;
  • Oscilação nas lâmpadas do imóvel (luzes que diminuem ou aumentam, conforme outro equipamento ou dispositivo é ligado).

manutenção das instalações elétricas

2) Procure por profissionais capacitados

Em situações que exigem um conhecimento técnico prévio, é essencial que você fique atento à contratação de um profissional capacitado e qualificado para o serviço. 

Sabe aquela pessoa que se diz curiosa “e sabe mexer em tudo”? Fuja dessa armadilha! A manutenção das instalações elétricas é um assunto sério e pede um profissional especializado para tarefa, além de credenciado pela construtora do imóvel. Somente esse perfil saberá quais os equipamentos e ferramentas ideais, custos, identificar riscos, entre outros aspectos. 

Portanto, não se deve deixar de lado o serviço de empresas de instalações elétricas prediais

Outro detalhe importante é que os profissionais da área não tenham apenas um conhecimento técnico, mas também sejam atentos às normas de seguranças da ABNT (Associação Brasileiras de Normas Técnicas) aplicadas às instalações elétricas de um prédio. 

Por fim, antes de contratar empresas de instalações elétricas para o desenvolvimento de um projeto de instalações elétricas, entre em contato com a sua construtora para que tudo seja realizado da melhor forma possível e, assim, possíveis futuras dores de cabeça sejam evitadas.  

manutenção das instalações elétricas

3) Estabeleça a frequência das manutenções

Depois de feita a manutenção preventiva da instalação elétrica de um espaço, é necessário programar as próximas manutenções que precisam ser feitas, afinal, nenhum dispositivo funciona eternamente. A periodicidade de manutenção pode variar dependendo do uso que se faz da rede elétrica.

Não é incomum, apartamentos com maior número de moradores, necessitarem do serviço de uma empresa de automação residencial para diminuir o consumo de energia e gasto excessivo de alguns equipamentos, necessitando menos de serviços de manutenção. 

Seja um ambiente automatizado ou convencional, é muito importante conhecer os comportamentos de consumo de energia da sua casa. Desta forma e com a análise de um profissional, será possível designar a melhor frequência de manutenção. 

manutenção das instalações elétricas

4) Entenda que a manutenção é uma tarefa coletiva

Verifique, com a ajuda do eletricista responsável, se existem questões relacionadas ao sistema de instalações elétricas do prédio. Além do projeto de instalações do seu imóvel, existe o projeto geral do edifício e somente um especialista, poderá identificar a raiz e o responsável por questões mais específicas. 

Ainda que você tome conhecimento sobre um problema a ser corrigido na manutenção e veja que não diz respeito às instalações gerais do prédio, não deixe de conversar com o síndico ou administradora do condomínio. 

É importante ter em mente que quaisquer modificações que deseje realizar no layout do seu apartamento poderão afetar a estrutura e o funcionamento do prédio como um todo. Por esse motivo, é essencial alinhar expectativas sobre cada procedimento que será realizado.

Vale lembrar que, a incorporadora do imóvel é responsável por entregar ao proprietário, o Manual de Uso e Manutenção do Imóvel e que esse documento te ajudará ao longo das etapas aqui citadas. Em caso de período de garantia coberto pela incorporadora, você poderá ter acesso a prestação de assistência para reparos específicos. Não deixe de consultar atentamente o manual e a incorporadora. 

E claro: converse abertamente com a sua família sobre o consumo de energia. Distribua as tarefas quando o assunto for avaliar profissionais qualificados e credenciados, verificar a situação dos equipamentos da casa ou planejar o período de manutenção ideal. Essa é uma tarefa coletiva e que assegura o conforto e segurança de todos os moradores. 

manutenção das instalações elétricas

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Você também pode gostar