fbpx

Pé-direito duplo: dicas para decorar esse tipo de ambiente

Imóveis que ocupam grandes áreas de terreno costumam apresentar cômodos bem amplos. E, em muitos casos, como estratégia de valorização de certas zonas da arquitetura, é proposta a utilização de pé-direito duplo. 

Mas espaços assim, apesar de lindos e superatrativos, podem ser difíceis de serem decorados. Como escolher os móveis certos para a sua casa com pé-direito duplo?

Descubra agora!

Estúdio DC55

As características arquitetônicas de ambientes de pé-direito duplo

Decorar residências com ambientes de pé direito duplo pode ser realmente desafiador. Sabe por quê? Por causa das características arquitetônicas destes cômodos. Isso deve influenciar na escolha dos artigos que serão comprados para este imóvel. 

Espaços assim costumam apresentar grandes panos de vidro, deixando expostos aos raios de sol revestimentos de parede e piso, móveis e acessórios.

Claro que existem outros detalhes que precisamos citar sobre os ambientes de pé-direito duplo. Eles podem ser muito claros; e com ótima integração espacial para o mundo exterior, podendo ser integrados com jardins. 

Ter lindos detalhes no teto – como vigotas; e outros elementos arquitetônicos marcantes, tipo lareiras – sendo um ponto focal muito charmoso. Mas são justamente esses detalhes que podem nos confundir na hora de decorar.

Revista Viva Decora e Aquiles Nicolas Kílaris
Alex Bonilha

O desafio de decorar ambientes de pé-direito duplo

Falamos sobre a exposição que os elementos em ambientes de pé-direito duplo sofrem à luz solar. Mas outras coisas devem ser observadas na hora de elaborar um projeto de decoração para tal modelo de arquitetura. 

Começando por um sistema de fechamento de janelas que vá do chão ao teto, marcando a verticalidade. E detalhes nas paredes até amenizam a diferença de altura entre o observador, como faixas na horizontal.

Outros pontos importantes são os sistemas de iluminação mistos, com focos voltados, inclusive, para o teto, e rebatidos em direção ao piso. O contraste entre cores e texturas das superfícies maiores, para quebrar a monotonia do cenário. E as grandes distâncias entre diferentes zonas funcionais, que precisam ser preenchidas, sem comprometer a circulação. Destacando também a contribuição das espécies vivas – neste caso, sempre muito boa.

Aquiles Nicolas Kílaris e Lana Fehlauer

Enfim você deve estar se perguntando qual é a maior dificuldade em montar uma ambientação para espaços assim, de altura dupla. Pois bem, é justamente acertar nas proporções das coisas para que um pé-direito seja algo especial a ser admirado. 

Quer dizer que o projetista não pode prender a sua atenção apenas na resolução da planta baixa, mas voltar o seu olhar para cima e pensar como preencher as altas paredes destes ambientes.

Revista Viva Decora
A.M Studio Arquitetura e Fernando Piva

Que móveis usar em ambientes de pé-direito duplo?

Tenha em mente que não é porque a altura do pé-direito do seu imóvel é grande que às proporções dos móveis utilizados em sua decoração devem ser fora de padrão. 

Afinal, as coisas possuem uma determinada medida de propósito, para atender bem as necessidades humanas. E qualquer peça que você encontre nas lojas será assim, mesmo que tenha um design exclusivo.

Marí Aní Oglouyan

Então, o segredo de decorar ambientes de pé-direito duplo é trabalhar com atrativos. Você pode querer valorizar a altura destes locais da sua casa. 

Mas é extremamente importante que ache, ao mesmo tempo, um modo de atrair o olhar das pessoas para baixo, para que elas não se sintam desconfortáveis num lugar tão amplo. E um jeito é criar muitos pontos focais de destaque mais próximos do piso.

Marília Veiga

Tetos e paredes marcantes, grandes estantes, cortinas altas e a vegetação verde escuro vista pelas janelas devem combinar com um piso ou sobreposição de tapetes em tom escuro. E para quebrar um pouco desta verticalidade é interessante criar linhas horizontais na base. Um exemplo é a utilização de racks, mesas de centro, cabeceiras e sofás longos.

Revista Viva Decora
Gislene Lopes

Ambientes de pé-direito duplo costumam ter área de planta grandes também. E mesmo que queiramos aproximar as pessoas, é proporcionalmente melhor que consigamos criar zonas funcionais amplas. Assim, não é legal usar muitos elementos. 

Então, tente aumentar virtualmente as dimensões dos móveis. Por exemplo, aproximando duas mesas de centro para criar um conjunto como centro para sala de estar. Ou, então, use um pufe para prolongar o tamanho de uma poltrona, ou ainda mesas laterais nos sofás.

Agora, que tal experimentar algumas dessas ideias? 

Essas dicas de decoração foram criadas pela equipe Viva Decora.

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

Email registrado com sucesso
Opa! E-mail inválido, verifique se o e-mail está correto.

Fale o que você pensa

O seu endereço de e-mail não será publicado.