Seu Imóvel

3 dúvidas mais frequentes sobre personalização de imóvel

11/07/2019
personalização de imóvel

As construtoras que oferecem personalização de imóvel proporcionam mais comodidade a seus clientes, pois o apartamento é entregue com tudo pronto e do jeito que o futuro morador gostaria. Porém, esse processo costuma trazer muitas dúvidas.

Para entender como tudo funciona, conversamos com a arquiteta de personalização da Cyrela, Luciana Mattei. Ela nos contou detalhes do serviço e desvendou as perguntas mais comuns sobre personalizar imóveis.

Confira nosso post e boa leitura!

Entenda o que é considerado personalização de imóvel

O serviço de personalização de imóvel ajuda a traduzir a sua personalidade e imprimi-la nos ambientes. A caracterização dos imóveis de alto padrão é feita por especialistas da área e as modificações que a Cyrela oferece, incluem:

  • opções de plantas para escolher a distribuição dos cômodos como, por exemplo, substituir um quarto por uma sala ampliada;
  • diferentes modelos para revestimento dos pisos e das paredes;
  • opções de louças, metais, cubas e bacias para cozinha e banheiro.

A arquiteta Luciana nos contou, ainda, que muitas vezes a personalização de imóvel fica por conta dos profissionais contratados pelo cliente. Assim, a construtora faz toda a parte civil e entrega a residência “nua e crua” para ser modificada e personalizada após a entrega das chaves. A diferença aqui é o tempo de espera.

Isso porque alguns clientes preferem fazer as modificações com o arquiteto de sua escolha. De acordo com a profissional, isso é bastante comum entre o público que adquire um Cyrela.

Caso opte por realizar a personalização com a construtora, o cliente terá o prazo de entrega das suas chaves semelhante aos dos clientes que decidiram não personalizar sua unidade.

Já para aqueles que preferem contratar os próprios arquitetos e designers, é preciso esperar a entrega da chave para iniciar a personalização.

Conheça 3 dúvidas frequentes sobre personalização dos imóveis

1. O que não pode ser personalizado no imóvel?

Há alguns elementos que não podem ser modificados nos imóveis. Por exemplo, os pisos internos instalados pela construtora estão de acordo com a Norma de Desempenho, documento que estabelece regras para garantir a segurança de um empreendimento.

Nesse caso, a principal regra é em relação ao índice de escorregamento. Por isso, em geral, os pisos são foscos, por conta da norma que determina o índice de atrito. Ela visa evitar acidentes domésticos com pisos escorregadios. Então, para cumprir essa determinação, o revestimento é com pouco brilho.

Outro item que gera muitas perguntas entre os clientes Cyrela é a integração da sala com o terraço. Em virtude da Norma de Desempenho, é necessário que o piso do terraço seja mais alto que o da sala e com caimento para escoar água, evitando problemas futuros na residência.

A fachada do prédio também precisa ser respeitada, pois ela deve ser a mesma para todas as unidades e seguir o Habite-se.

De forma geral, veja outras modificações que não podem ser feitas no imóvel:

  • mudar o lugar dos pontos de saída e entrada de água — precisaria mudar a instalação das outras unidades;
  • ampliar o banheiro para uma área seca — causaria infiltração nos andares abaixo;
  • forro de gesso com pontos de luz específicos;
  • colocar mármore na parede do banheiro.

As tecnologias de habitações são uma grande tendência para as unidades de alto padrão nos empreendimentos imobiliários. Então, Luciana nos conta que toda a estrutura e tubulação necessária já é entregue com o apartamento, precisando apenas de instalação posterior. Assim, o cliente pode fazer automação de alguns itens após receber as chaves do imóvel.

2. Como acontece o processo de personalização?

O processo de personalização de imóvel começa ainda na fundação do empreendimento. É nessa fase que você pode escolher os acabamentos e a melhor opção de planta para a sua família. Luciana também nos diz que toma alguns cuidados com os clientes nesse momento:

Ao iniciar o processo, cerca de duas semanas antes, enviamos SMS, carta e e-mail informando sobre a etapa de personalização. Então, o futuro morador acessa o site de personalização pelo Portal do Cliente e tem o prazo de um mês para pedir as mudanças.

A escolha das modificações também pode ser feita pessoalmente na sede da Cyrela. Basta agendar o melhor dia e horário para escolher os itens desejados.

Caso decida fazer de maneira online, é preciso imprimir e assinar a documentação gerada, enviando pelos Correios em seguida. Esses documentos serão o registro da sua solicitação e servem de conferência na entrega do imóvel.

3. Existe alguma regra para ser feita a personalização?

Como já explicamos, existem algumas normas que devem ser seguidas na personalização de imóveis. A arquiteta Luciana nos conta que alguns empreendimentos, principalmente os business, não comportam essas modificações, porque alguns materiais usados só são permitidos na construção já entregue.

Além dessa especificidade, Luciana nos diz que a principal exigência é o prazo:

Percebemos que o mais importante para o nosso cliente não é a personalização, mas sim a entrega dentro do prazo combinado.

Dessa forma, é preciso cumprir o prazo dos documentos para personalizar a residência, pois todas as unidades são entregues juntas — modificadas ou não. Se a documentação não for entregue no período estipulado, não será considerada a personalização de imóvel.

Viu como a personalização de imóvel é uma ótima oportunidade para receber o seu Cyrela do jeito que você deseja? E o melhor: dentro do prazo esperado!

Quer receber novos conteúdos como este? Você pode assinar a nossa newsletter e receber as novidades do blog no seu e-mail!

Você também pode gostar