Arquitetura e Design

Saiba como decorar um quarto montessoriano

29/05/2018

Não é raro que, pouco depois de adquirir um novo apartamento, a família aumente. Com a chegada de um novo integrante, vem a preocupação em preparar um cantinho especial para os seus primeiros anos. Nessa hora, uma das opções de decoração que tem feito mais sucesso é o quarto montessoriano.

Se você quer aderir a essa tendência, saiba que decorar um quarto assim vai trazer muito mais benefícios para seu filho do que apenas um ambiente bonito. Neste post, saiba mais detalhes sobre como decorar um quarto montessoriano!

O que é um quarto montessoriano?

Maria Montessori foi uma educadora italiana que criou o método que leva seu sobrenome, em que a criança se autoeduca. Com a liberdade necessária e elementos que a desenvolvam ao seu alcance, ela é capaz de trabalhar suas habilidades, em uma educação que privilegia a independência e a autonomia.

Assim, um quarto montessoriano tem foco total na criança. Com a devida preocupação com a segurança, tudo nesse ambiente deve permitir total mobilidade, capacidade de escolha e descobertas, de forma lúdica.

Como decorar o quarto montessoriano?

Vimos, então, que um quarto montessoriano é mais do que um lugar bonito, pois também deve ser funcional. Então, como devem ser escolhidos os móveis e objetos de decoração para esse ambiente? É o que veremos agora:

Mobiliário

Um armário planejado pode ser interessante nesse quarto, pois terá ampla utilização futura. No entanto, invista também em móveis baixos, que permitam que a própria criança pegue roupas e brinquedos. Prateleiras para livros que fiquem na altura dos olhos das crianças também são comuns nesse tipo de quarto.

Por fim, vem o berço, certo? Errado! No quarto montessoriano, a cama é no chão, pois, assim, a criança pode sair dela na hora em que tiver vontade, mesmo que ela seja muito pequena e ainda engatinhe. Esse é um grande passo para a autonomia, mas, caso seu bebê ainda seja muito pequeno, você pode optar por elementos que o contenham na cama, como rolos de espuma.

Aqui, você deve ter se lembrado da famosa cama de casinha, não é? Embora ela não seja mencionada nos estudos montessorianos, seu caráter lúdico fez com que ela fosse integrada imediatamente aos quartos infantis que sigam essa metodologia. Sem dúvida, é um móvel que marca o ambiente e proporciona muitas possibilidades de brincadeiras para as crianças.

Elementos decorativos

Com uma cama no chão e uma criança que tenha liberdade para circular pelo ambiente, é importante ter tapetes para amortecer eventuais quedas. Nesse caso, materiais emborrachados são os mais indicados. Também é recomendável usar tapetes com mais texturas, que convidem a criança a uma experiência sensorial.

Em um quarto montessoriano, não podem faltar um espelho, que faz com que a criança se descubra, e uma barra, que vai apoiá-la nos primeiros passos. São dois elementos funcionais, mas que podem ser agregados de forma harmônica ao ambiente.

Adesivos de parede ou mesmo quadros na altura do olhar da criança também proporcionam um bom estímulo visual, assim como móbiles que, no método Montessori, têm uma aparência bem diferente! Por fim, resista à vontade de deixar todos os brinquedos ao alcance do seu bebê. Se houver uma oferta grande, dificilmente ele vai se concentrar em uma brincadeira. Assim, deixe poucos jogos à mão e estabeleça um rodízio quinzenal.

Um quarto montessoriano é uma ótima opção, não apenas pelo aspecto decorativo, mas por propiciar um ambiente de desenvolvimento que vai acompanhar a criança nos seus primeiros anos. Então, o que acha de investir nessa tendência tão especial?

Se essa ainda não for a sua ideia para os primeiros anos do seu filho, leia também nosso artigo sobre o quarto do bebê e inspire-se!

Você também pode gostar