Arquitetura e Design

Rose Gold: tendência para casa, peças deixam a decoração mais elegante e requintada

28/02/2019
Rose Gold: tendência para casa, peças deixam a decoração mais elegante e requintada

Há quem diga que o rosa nunca sai de moda, ele se reinventa. É verdade! Ao olhar para o passado, podemos encontrar vários bons exemplos de projetos de interiores onde a cor rosa é protagonista.

E agora, nos dias de hoje, existe uma tendência de decoração que é da utilização de uma derivação metálica do rosa em mobiliários, utensílios e ornamentos para casa.

Trata-se do Rose Gold!

O que é e onde surgiu a tendência do Rose Gold

Quem está atento à moda sabe que desde 2015 se fala bastante na utilização de elementos em Rose Gold na decoração de interiores. Mas o que é isso? Bem, é um tipo de metalizado que lembra muito o cobre.

Peças nesse tom são cada vez mais vistas no mercado. Porém, são bastante caras – o que é algo comum também para itens dourados e prateados.

Sua primeira aparição foi em feiras europeias de arquitetura e design. Depois, chegou ao Brasil com tudo – e veio para ficar.

Embora os acobreados não estejam apontados como tendência para 2019, certamente, ainda será possível ver muitas propostas em Rose Gold por aí. Sua imagem delicada e sofisticada agrada muito as pessoas, que devem continuar consumindo esses artigos.

São exemplos de objetos com cobertura Rose Gold encontrados nas lojas: porta-retratos, molduras, espelhos, relógios, suporte de livros, vasos para flores, bowls, castiçais, bandejas, e mais.

Como inserir peças em Rose Gold na decoração da casa

“Cuidado para não sobrecarregar o ambiente, não podemos esquecer que muitas vezes menos é mais.” – arquiteta Érica Salguero, em reportagem de Revista Zap Imóveis.

Peças em Rose Gold costumam ser muito bonitas; e, quando inseridas nos ambientes, viram destaque na hora. Exatamente por isso, devem ser utilizadas com cautela. As possibilidades são infinitas!

Mas, o ideal é acrescentar itens assim em cenários mais clean, sem muitos excessos, com poucos itens na ambientação – uma característica bem comum no estilo escandinavo, por exemplo.

A intensidade do brilho opaco do Rose Gold pode deixar algumas pessoas com medo de inserir as peças na decoração da casa.

Realmente, é importante saber como equilibrar a potência visual desse metalizado com a força de outros materiais. Mas, quando isso acontece, o resultado é mesmo incrível! Uma boa mistura de limpeza, simplicidade e requinte.

Equilibrando as cores

É importante ressaltar que a cor e o brilho do Rose Gold se destacam no cenário decorado, mas não se sobressaem.

Portanto, é possível utilizar o material para dar vida a cantos sem muita cor, mesmo sem que este vire o ponto focal principal no ambiente. Uma ideia é começar a montar a decoração com um pano de fundo neutro – talvez em branco, cinza, bege ou preto -, para só depois partir para os metalizados.

Geralmente, nas propostas de interiores, os decoradores inserem Rose Gold em poucos e pequenos detalhes, como luminárias pendentes. Mas não quer dizer que o projetista não possa ir além e ousar.

Em parte, vai muito do gosto de cada pessoa. Tem gente que coloca apenas acessórios metalizados em casa. Outros já vão querer peças maiores nesse material, como mesas de centro e molduras de espelhos.

O emprego da cor rosa nos interiores

Nas imagens apresentadas neste texto é possível ver o rosa empregado de diversas maneiras em decoração de interiores.

Essa cor está presente em portas de armários, em capas de almofadas, em assentos de cadeira, cortinas, lençóis, e até nos amadeirados dos móveis. Mas, como Rose Gold, já aparece mais em torneiras, cadeiras, bandejas, cubas, pastilhados, centros de mesa, papéis de parede e utensílios de cozinha.

“Na verdade, todos os ambientes combinam, não existe restrição.”,

“(…) está se usando muito em dormitórios. Em cozinha (…) não aconselho tanto porque é um metal mais delicado. Mas fica muito legal (…) na sala, quando você quer uma decoração mais descontraída. Depende do que você quer mostrar no ambiente (…).”,

“(…) o rose gold (é) para algo mais jovem, mais atual.”

– arquiteta Camila Fleck, em reportagem de Terra.

Viu como é possível usar o Rose Gold em vários pontos da casa? Agora, use-o para deixar os ambientes do seu imóvel mais bonitos, atuais e glamorosos!

Estas dicas foram criadas pela equipe Viva Decora

Você também pode gostar